Peixes Ornamentais da Amazônia para Exportação


Você sabia que o Brasil exporta mais de 20 milhões de peixinhos de aquário por ano, quase todos coletados nos rios da Amazônia? 

Barcelos uma cidade situada a 396 Km. de Manaus o maior município do estado. Lá a principal fonte de renda é a pesca de peixes ornamentais, destinados quase só as exportações. Só na coleta a mais de 2 mil pessoas trabalhando.

Apesar de pouco conhecida em outras regiões brasileiras, a festa de Barcelos atrai centenas de estrangeiros. Estima-se que a Amazônia possua duas mil espécies de peixes ornamentais. O Ibama Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) permite o comércio de apenas 182 espécies. E contabiliza que, só da região de Barcelos, saem cerca de 20 milhões destes peixes por ano. Detalhe: de cada 5 coletados, 4 são cardinais tetra (Paracheiroden axelrodi), peixinho vermelho e azul metálico brilhante que muitos chamam apenas de neon. 

Desde sua descoberta na região do médio Rio Negro, há 5 décadas, o cardinal tetra é sucesso de vendas no mundo. Vale lembrar que o aquarismo é muito popular nos países avançados. Na Inglaterra, país campeão deste hobby, de cada 7 famílias, uma tem aquário em casa.


1 comentários:

Roraim@gora disse...

Só pra completar sua informação, boa parte dos peixes de Barcelos são, na verdade, levados de Santa Maria do Boiaçu, em Roraima, por pescadores do Amazonas. A Polícia Militar de Roraima acaba de criar um pelotão de polícia ambiental para coibir também a pesca ilegal de quelônios pelos amazonenses que invadem a região armados e ameaçam os ribeirinhos. Vale um matéria. Abraço.