Morre Peixe-boi Mayra vítima de bactérias

Por infecção intestinal, de natureza bacteriana, morreu o peixe-mulher (feminino de peixe-boi), chamada Mayra de 55 anos. Estas informações são do Museu Paraense Emílio Goeldi, mais especificamente do médico veterinário Dr.Antonio Messias responsável pela necrópsia. A Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), fará novos exames para descobrir se a infecção pode ter se estendido para outros orgãos. Mayra media 2,50 m, pesava em torno de 300 quilos e fazia a alegria de funcionários e visitantes do Museu. Ela era uma das mais ilustres moradoras do Parque Zoobotânico do Museu Goeldi, mais já existia uma preocupação muito grande com sua saúde em função da expectativa de vida da espécie que é de 50 anos. Há seis meses ela superou uma crise gástrica, por meio de dieta alimentar, suplementos vitamínicos e protetores de mucosa. No dia anterior a sua morte, não apresentou sinais clínicos que pudessem indicar comprometimento de saúde.Ela foi encontrado no fundo do tanque, quando foi conduzida pelo veterinário Antonio Messias, à rampa do recinto, numa tentativa emergencial de socorro. Infelizmente àquela altura foi constatado que Mayra já estava morta.

2 comentários:

Donizete disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Santana disse...

Muito triste a perda do Peixe Boi Mayra . Realmente as pessoas que dela cuidaram por tanto tempo devem estar chocadas.